Espinhas nas costas: causas e como se livrar do problema

A pele é nosso órgão de proteção. E, dessa maneira, os sinais que surgem nela revelam distúrbios e desequilíbrios em nosso organismo. As espinhas nas costas são uma dessas manifestações, visto que comprometem a qualidade de vida das pessoas, que se sentem inseguras para usar determinados modelos de roupa ou, até mesmo, para frequentar uma praia ou piscina nos dias mais quentes.

E, apesar de comuns nos jovens, elas também aparecem em mulheres adultas com tendência a ter esse problema. Nesse caso, tanto durante a gravidez, quanto na fase menstrual, devido a alterações hormonais. Para entender melhor as causas da acne nessa região, conversamos com a dermatologista Simone Neri, da Clínica Medci.

Índice do conteúdo:

  • Causas
  • Medicamentos
  • Tratamentos caseiros
  • Espinhas nas costas na gravidez

Espinhas nas costas: causas

  • Hormônios sexuais: produzidos na puberdade, são um dos maiores responsáveis pelas alterações das características da pele, assim como pelo surgimento da acne. “As lesões aparecem com mais frequência na face, mas também podem ocorrer nas costas, ombros e peito”, comenta Simone.
  • Situações de estresse: vilão da saúde física e mental, o estresse aumenta a produção de cortisol, que estimula os hormônios androgênios. Dessa forma, sua quantidade exagerada no organismo ativa ainda mais as glândulas sebáceas, causando erupções cutâneas.
  • Medicamentos: a formulação de alguns medicamentos também colabora com o surgimento de espinhas nas costas. “Os corticoides, assim como as vitaminas do complexo B estimulam a produção de sebo quando consumidos em doses elevadas”, afirma a dermatologista.
  • Exposição exagerada ao sol: também conhecida como acne solar, seu surgimento está diretamente ligado às queimaduras provocadas pela radiação. “O sol aumenta produção de sebo e diminui as células de defesa, piorando a situação”, conclui Simone.

Ou seja, são muitos os fatores que contribuem com o aparecimento de espinhas nas costas. Entretanto, a prevenção e o tratamento são importantes, mas de nada adiantam se, após uma melhora, repetirmos as atitudes que causaram o problema anteriormente. Portanto, a manutenção e melhora dos hábitos são essenciais para evitar seu reaparecimento.

Medicamentos para espinhas nas costas

iStock

Segundo a dermatologista, o tratamento é realizado com base na gravidade da lesão e em função de suas características individuais. Considerando isso, uma infinidade de produtos e medicamentos ajudam com a cicatrização das glândulas e folículos inflamados. “Sabonetes a base de ácido salicílico e glicólico costumam ser bastante efetivos”, comenta Simone.

  • Sabonetes anti-acne: feitos à base de peróxido de benzoíla, ácido salicílico ou enxofre, ajudam a controlar o surgimento de espinhas.
  • Loções tônicas para limpeza de pele: devem ser usadas diariamente para diminuir a oleosidade.
  • Cremes e pomadas: à base de peróxido de benzoíla, ácido salicílico, retinóico, adapaleno ou isotretinoína tratam a maior parte dos casos de acne.
  • Antibióticos: para casos mais graves e resistentes às opções anteriores, desde que prescrito pelo dermatologista.

Além das opções citadas, outros procedimentos como peelings químicos, terapia de luz ou laser colaboram com o tratamento. “A limpeza de pele, quando bem indicada pelo dermatologista e muito bem executada pelo esteticista, pode ser um ótimo complemento para amenizar as espinhas nas costas”, complementa Simone Neri.

Espinhas nas costas: tratamentos caseiros

  • Hidratação: a água é um dos melhores aliados contra o surgimento de acnes. Por isso, beba pelo menos 1,5 litros diariamente, procedimento que garante uma pele bastante hidratada.
  • Alimentação: para um bom controle das glândulas sebáceas, evite alimentos ricos em açúcar e gordura, assim como produtos industrializados. Fique longe de enlatados, embutidos e bebidas com gás e álcool.
  • Esfoliação: misture 3 colheres de bicarbonato de sódio em um pouco de água. Aplique na região afetada pelas espinhas. Finalize esfregando as costas com movimentos circulares para a desobstrução dos poros.

E por mais que as dicas ajudem com a prevenção e o tratamento das espinhas nas costas, a dermatologista recomenda que uma boa higiene diária com sabonetes adequados é o melhor tratamento caseiro. “Quem tem acne não deve, em nenhuma hipótese, manipular as lesões, pois isso pode levar à infecção, inflamação e cicatrizes”.

Espinhas nas costas na gravidez

iStock

Frequentes durante as primeiras semanas de gravidez, as espinhas nas costas surgem quando o corpo da mulher sente as primeiras alterações hormonais. E isso ocorre mesmo com aquelas que nunca tiveram problemas com isso anteriormente. O ideal, portanto, é continuar cuidando da pele nesse período e, de preferência, sob orientação médica.

Causas

De acordo com a especialista Simone Neri, “as gestantes passam por variações hormonais significativas no período de gestação, o que pode fazer com que as glândulas sebáceas aumentem a produção de gordura, ocasionando espinhas”. Ou seja, o aumento da progesterona também aumenta a oleosidade, que tapa os poros, facilitando assim o desenvolvimento da acne.

Como tratar

Nesses casos, o mais indicado é consultar-se com um dermatologista, para a escolha do tratamento mais adequado. Isso porque as grávidas não podem tomar qualquer tipo de remédio. A recomendação é manter a pele limpa com sabonete neutro, usar hidratantes sem óleos e retirar a maquiagem antes de dormir. Sempre lembrando que elas tendem a diminuir após o parto, no período de amamentação.

Em síntese, para ter uma pele saudável precisamos melhorar velhos hábitos que prejudicam nosso sistema imunológico. Dessa maneira, cuidar da alimentação, assim como garantir uma boa hidratação e limpeza é o mínimo necessário para a retirada do excesso de impurezas e células mortas. Ou seja, a disciplina é o elemento mais importante dessa empreitada. Então, segure os dedinhos, equilibre seu organismo e acabe de vez com as espinhas nas costas!

Se o seu problema com a acne é um pouco mais sério, saiba como acabar com as espinhas de um modo geral.

O post Espinhas nas costas: causas e como se livrar do problema apareceu primeiro em Dicas de Mulher.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *